Programa de Jovens

 

O movimento escoteiro busca auxiliar o jovem a atingir o seu pleno desenvolvimento no caminho para tornar-se um bom cidadão. Mas como é feito isso? Umas das ferramentas é o “Programa de Jovens”. Nele estão mapeados um conjunto de objetivos educacionais, contemplando as seguintes áreas de desenvolvimento: físico, afetivo, do caráter, espiritual, intelectual e social, divididos de acordo com a faixa etária do jovem.

 

Cada fase possui objetivos específicos de acordo com o desenvolvimento do jovem no período, mas que se relacionam entre si e vão evoluindo para que no final formem um cidadão melhor. Dessa forma, mesmo uma criança que entra no Movimento Escoteiro como Lobinho, já é preparada de forma que, ao alcançar os objetivos relativos a essa fase de sua vida, ela dá um passo para se tornar um Escoteiro melhor. Esse Escoteiro, por sua vez, agora é capaz de cumprir os seus objetivos para tornar-se um Sênior melhor, e assim por diante.

 

Mas todo esse planejamento não é o suficiente. É preciso realizarmos o acompanhamento do Programa de Jovens e motivarmos os jovens para que conquistem suas próprias metas. Esse acompanhamento passa pela observação e de conversas com o jovem para identificar os objetivos que já foram alcançados e aqueles que necessitam de uma oportunidade ou de orientação.

 

A motivação se dá através do reconhecimento da progressão do jovem, mostrada pela conquista dos distintivos e da negociação com próprio jovem sobre os objetivos que ele se propõe a conquistar, assim o jovem se torna responsável pelo seu próprio desenvolvimento. Cada jovem é diferente e vivencia experiências diferentes dentro e fora do movimento escoteiro que o ajudam a conquistar seus objetivos de formas e com velocidades diferentes, por isso o acompanhamento é feito de forma particular e diferenciado para cada um.

 

De forma geral, o Programa de Jovens é um instrumento importante para o desenvolvimento do jovem. Não se trata apenas de formar uma pessoa melhor ou o escoteiro ideal. O mais importante é o processo através do qual essa formação passa a ser desenvolvida, de forma progressiva e com a participação próprio jovem.

Contato